As tatuagens de flor de lis, bem como as de lírio, simbolizam a pureza, a virgindade, a beleza e a renovação espiritual.

A palavra “lis” é de origem francesa e significa lírio ou íris.

Esta flor é, na realidade, o emblema da França, usada desde o século XII pela realeza francesa simbolizando o poder, a soberania, a lealdade e a honra.

A flor de lis está presente na heráldica (ciência dos brasões) para indicar o status na filiação, indicando assim, o sexto filho de uma família.

Representa uma das quatro figuras mais populares, juntamente com a águia, a cruz e o leão.

É um símbolo usado na maçonaria, na alquimia e em algumas religiões.

No escutismo, foi o símbolo escolhido pelo fundador Robert Baden-Powell para representar os escuteiros.

As três pétalas simbolizam os três pilares da promessa escuteira e o Norte apontado por uma das pétalas, orienta a direção a ser tomada pelo jovem, sempre para cima.

Alguns estudiosos afirmam que a flor-de-lis teve sua origem na flor-de-lótus do Egito, outros acreditam que foi inspirada na alabarda – um ferro de três pontas usado pelos soldados, que se colocava fincado nos fossos ou covas para espetar quem ali caísse.

Também é possível que a sua origem seja de uma cópia do desenho estampado em moedas antigas assírias e muçulmanas.

Outro significado deste símbolo está associado ao cristianismo.

A flor de lis sempre foi uma representação da Virgem Maria, no entanto, no século XI, as catedrais tinham cantos impressos com as imagens de Maria segurando o lírio.

Mais tarde, esse símbolo foi encontrado nos selos dos capítulos da catedral.

As três pétalas do lírio também são chamadas de Santíssima Trindade.

Muitas vezes, uma fita é anexada ao fundo, que é um simbolismo da Virgem Maria, por a Trindade ser incompleta sem ela, quando estava a dar à luz o Filho.

É uma flor muito procurada nas tatuagens por todo o simbolismo associado.

A Flor de Lis é ainda muito popular no âmbito musical, fazendo parte de várias músicas.

Uma das reproduções musicais mais célebres é criação do artista brasileiro Djavan.

Flordelis também é o nome de uma cantora gospel brasileira, tendo lançado músicas como “Questiona ou Adora”, “Deus no Controle”, “Eu Sou Canela de Fogo” e “Fogo e unção”.

A escolha da tatuagem vai ao encontro ao seu simbolismo, sobretudo no que respeita à renovação espiritual.

Estas tatuagens podem ser elaboradas com imagens grandes ou pequenas.

No caso de tatuagens grandes, geralmente localizam-se no braço, na costela ou nas costas.

Já as mais pequenas, podem ser colocadas na cintura, nos pés, no pescoço ou nas mãos.

As mulheres tatuam esta flor, para transmitir todos os seus atributos, tendo como destaque a renovação espiritual.