As tatuagens de lua representam os ritmos biológicos e as fases da vida, já que passa regularmente por um ciclo de vida, uma vez que é um astro que cresce, diminui, desaparece e volta a crescer.

Desta forma, a lua está submetida à lei universal do devir, do nascimento e da morte, representando a passagem da vida para a morte, e vice-versa.

Na arte das tatuagens a lua é frequentemente associada às flores, um dos símbolos favoritos das mulheres.

Comummente a lua é constituída por várias flores que em conjunto definem o formato da lua.

São projetos extraordinariamente belos e femininos.

A Lua é passiva e receptiva e simboliza feminilidade e da fecundidade.

É a guia das noites, é o símbolo dos valores noturnos, do sonho, do inconsciente e do conhecimento progressivo, evocando a luz nas trevas da tenebrosa escuridão da noite.

O seu simbolismo está ligado ao Sol.

As suas principais características são o fato da Lua aparecer como um reflexo do Sol, pois não possui luz própria e por passar por diversas fases, mudando a sua aparência.

A Lua é o décimo oitavo arcano maior do tarô e representa, entre outras coisas, a falsidade, as ilusões e as aparências enganadoras.

Desde os desenhos mais pequenos e simples, como os mais elaborados, a tatuagem da lua representa, especialmente, a feminilidade e a maternidade.

A periodicidade das fases da lua faz com que ela seja o astro dos ritmos da vida.

A lua rege as renovações cósmicas e terrenas, uma vez que é ela que controla todos os elementos que são igualmente regidos pela lei do devir, como a chuva, a vegetação, a fertilidade, etc.

Este satélite simboliza o tempo que passa, o controle do tempo, o tempo vivo para o qual a lua serve como medida, devido à regularidade das suas fases.

A lua cheia pode ser vista na totalidade e representa a eternidade e a força.

É, também, uma referência do princípio yin, na união das energias Yin Yang.

A lua crescente, também conhecida como quarto crescente, representa o crescimento, a renovação da vida.

Juntamente com a estrela é o símbolo do Islão.

A lua-nova não é visível porque está alinhada com o sol e a terra.

A Lua nova representa a fertilidade e a produção.

Por ser o último estágio do ciclo lunar, a lua minguante ou quarto minguante representa o fim da vida, a morte.

O sol e a lua representam os princípios Yin e Yang, sendo a Lua yin (feminino) e o Sol, yang (masculino).

Enquanto o sol é fogo e ar, a lua é água e terra, é frio, norte e inverno.