As tatuagens da mão de Hamsá simbolizam o poder, força e a proteção.

Também conhecida como “mão de Deus”, “chamsá”, “mão de Fátima” ou “mão de Hameshh”, a mão de Hamsá é considerada um amuleto contra o mau-olhado para os adeptos do judaísmo e do islamismo.

Hamsá é uma palavra de origem árabe e significa “cinco” na tradução literal para a língua portuguesa, em referência aos cinco dedos da mão humana e representa um símbolo da fé islâmica.

tatuagens-de-hamsa10

A “mão de Hamsá” é caracterizada por representar o desenho de uma mão direita simétrica (dedos com as mesmas proporções) e com um olho ou outros símbolos no meio da palma da mão, como estrela de Davi, peixes, pombos, mandala, filtro dos sonhos, elefante ou flor de lótus.

tatuagens-de-hamsa4

Algumas vezes é retratada com um olho no centro da palma da mão e usada como proteção contra o mal e as energias negativas de todos os tipos, especialmente o mau-olhado.

Acredita-se que o posicionamento da mão esteja vinculado com as energias masculina, mão para cima  e feminina, mão para baixo.

tatuagens-de-hamsa5

Também é conhecida como Mão de Fátima, por ser o nome de uma das filhas do profeta Maomé,  adorada no Islamismo, tal como a Virgem Maria na religião católica.

Os dedos, tal como algumas mesquitas, representam os cinco pilares do islamismo:

  • Shahada – fé
  • Salat – oração
  • Zakat – caridade
  • Sawm – jejum
  • Haji – peregrinação

tatuagens-de-hamsa7

Os judeus, acreditam que a mão de Hamsá simboliza a presença de Deus em tudo que existe neste mundo.

Alguns judeus também acreditam que os cinco dedos representam os cinco livros da Torá.

É também referida como a Mão de Miriam, irmã mais velha de Moisés.

tatuagens-de-hamsa8

Quando se trata do cristianismo, algumas fontes dizem que a mão de hamsa é a Mão da Virgem Maria e simboliza a feminilidade, o poder e a força.

tatuagens-de-hamsa9

Muitas vezes, o símbolo de um peixe cristão é incorporado nestes projetos, como revestimento exterior do olho, porque os peixes (Ichthys) são considerados símbolos de Cristo.

Em algumas culturas, também se acredita que o peixe é imune ao mau-olhado.

tatuagens-de-hamsa12

Atualmente, a mão de Hamsá está presente em todo o mundo, seja em estampas de roupas, pingentes, pulseiras, jóias ou tatuagens. 

É uma imagem muito popular entre o sexo feminino.

Quem escolhe esta tatuagem pretende defender-se da inveja e do mau-olhado.

 tatuagens-de-hamsa3
A mão de Hamsá pode ser representada de duas maneiras, com os dedos separados ou com os dedos fechados.

Diz-se que o primeiro desenho retrata o poder de afastar o mal, enquanto o segundo é um símbolo de boa sorte.

tatuagens-de-hamsa2

Estes projetos não são apenas ricos em design e aparência, mas também em valores culturais e tradicionais afluentes.

Este símbolo aparece em várias religiões, incluindo o Islamismo, o Judaísmo e o Cristianismo.

O uso mais antigo do hamsá pode ser rastreado até o Iraque (antiga Mesopotâmia), onde foi usado para a  proteção, segurança e imunidade contra o mau-olhado.

Esta é a primeira e mais importante razão pela qual muitas pessoas tatuam este símbolo em si mesmas, para se salvaguardarem daqueles que emitem os maus-olhares ou vibrações de inveja.

tatuagens-de-hamsa14

A presença de um olho na mão de Hamsá fortalece o seu significado.

Este olho é muitas vezes referido como o olho de Horus, que indica que a pessoa está sempre a ser observada, mesmo que se esconda, pois não pode escapar ao olho da sua própria consciência.